Terça, 01 de agosto – Os escolhidos de Deus

Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a Si mesmo Se entregou por ela. Efésios 5:25

Deus tem na Terra uma igreja que é Seu povo escolhido, que guarda os Seus mandamentos. Ele não está guiando ramificações dispersas, um aqui e outro ali, mas está dirigindo um povo. A verdade é um poder santificador; mas a igreja militante não é a igreja triunfante. Há joio entre o trigo. “Queres que vamos e arranquemos o joio?” (Mt 13:28), foi a pergunta do servo. O pai de família, porém, respondeu: “Não! […] para que, ao separar o joio, não arranqueis também com ele o trigo” (Mt 13:29). A rede do evangelho apanha não só peixes bons, mas também ruins, e só o Senhor sabe quem são os Seus.

É nosso dever individual andar humildemente com Deus. Não devemos buscar nenhuma mensagem estranha, nova. Não devemos pensar que os escolhidos de Deus, que procuram andar na luz, componham Babilônia.

Embora existam males na igreja, e tenham de existir até o fim do mundo, a igreja destes últimos dias há de ser a luz do mundo poluído e desmoralizado pelo pecado. A igreja, débil e defeituosa, precisando ser repreendida, advertida e aconselhada, é o único objeto na Terra ao qual Cristo confere Sua suprema consideração. O mundo é uma oficina em que, pela cooperação de agentes humanos e divinos, Jesus está, por Sua graça e divina misericórdia, fazendo experiências em corações humanos.

Deus tem um povo distinto, uma igreja na Terra, não inferior a nenhuma outra, mas a todas superior em seus recursos para ensinar a verdade, para vindicar a Lei de Deus. Deus tem agentes divinamente designados – pessoas a quem Ele está guiando, que suportaram o calor e a fadiga do dia, que cooperam com os instrumentos celestiais para promover o reino de Cristo em nosso mundo. Unam-se todos a esses agentes escolhidos e sejam afinal encontrados entre os que têm a paciência dos santos, guardam os mandamentos de Deus e têm a fé de Jesus.

A igreja de Deus na Terra se une com a do Céu. Os crentes na Terra e os seres celestiais que não pecaram constituem uma só igreja (Conselhos Para a Igreja, p. 240).

IJB - Atrair, Acolher, Envolver e Comprometer
Categories: Meditações DiáriasTags: , , , ,

Deixe uma resposta